02 novembro 2015

Marimbondos me mordam!!!!

Quando eu era criança eu morava em uma casa que ficava no alto, eram necessários subir 24 degraus para chegar em casa. Eu amava andar de biciclieta mas só de pensar na tortura de descer os 24 degraus com a bicicleta e depois de andar um monte ter que subir os 24 degraus mas dessa vez com a bicicleta nas costas já me desanimava.
Claro que para me ajudar eu tinha Toc ao subir as escadas. Tinha o costuma de ir e voltar várias vezes da calçada para o 1o degrau e do 1o degrau até a calçada antes de conseguir engatar uma 1a marcha e subir em disparada os 23 degraus restantes antes que um pensamento ruim invadisse a minha mente e me obrigasse a descer os 24 degraus para subí-los novamente.
Na época do calor eram comuns os marimbondos que vinham beber água na torneira que ficava na metade do caminho dos degraus e que vivia pingando ou então no filete de água que geralmente escorria pelo meio-fio, proveniente de alguma vizinha que lavava a calçada. Se eu amava andar de bicicleta, do lado oposto eu odiava os marimbondos e o trabalho que eles me davam para subir com uma bicicleta nas costas, fugindo deles.
Num belo dia de sol, eu estava na calçada com uns amigos e o vizinho, mais velho que eu, me perguntou porque eu ia até o 1o degrau e voltava para a calçada? Disse que me viu fazer isso várias vezes e um colega não perdeu a oportunidade de caçoar de mim e dizer, rindo, que eu tinha essas "manias" esquisitas.  Dessa vez não foi tão engraçada como a vez em que eu tocava por várias vezes no meu portão e o vizinho achou que o portão estava me dando choques (post).
O vizinho deu risada do meu colega caçoando e disse que achou que eu fazia isso de ir e voltar porque estava com medo dos marimbondos. Puxa, se eu soubesse que tinha uma desculpa tão fácil como essa já tinha dado antes mesmo de meu amigo abrir a boca. Pelo menos agora eu já tinha uma desculpa na ponta da lingua caso mais algum vizinho xereta resolvesse me perguntar o porque do vai e vem na escada.
Pelo menos esses bichos pavorosos me deram uma boa desculpa para os próximos rituais.
PS.: Nunca fui picado por um marimbondo mas meu pavor por eles permanece até hoje.

5 comentários:

  1. A um tempo acompanho o blog, fico só lendo os comentários mas sempre sem comentar mais resolvi comentar pela primeira vez tenho toc desde sempre aprendi a me controlar principalmente na rua ou na frente das pessoas mais quando da as crises do Toc venho ler esse belo blog que me ajuda tanto quando preciso.

    A pior coisa é quando pegam a gente fazendo nossas manias ainda bem que sempre conseguimos pensar em uma desculpa rápido.

    Quando vem os pensamentos tento resistir mais parece impossível as vezes me controlo como se nem tivesse toc o blog me ajuda pois sei quem não sou o único,meu toc parece que é de família pois percebi meu primo com umas manias tentei ajudar ele explicando sobre o toc ( sem revelar que eu tenho toc) nunca contei pra ninguém as vezes acho que ajuda porque evito as manias o máximo possível na frente das pessoas mais o toc e difícil de controlar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que o blog te ajuda, ele foi criado exatamente para isso, para ajudar as pessoas a entenderem que elas não são as únicas com essa mania e que ser diferente é normal. Num post eu comento que quem tem TOC é mais inteligente que os demais e isso eu não tirei da minha cabeça, li e ouvi de vários psiquiatras. Pelo menos uma bela criatividade nós temos pois sempre que nos pegam no flagra inventamos uma boa desculpa kkkkk

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Criei um blog sobre o tema...

    https://naometocblog.wordpress.com/

    Sua ideia me inspirou, Miguelito!

    ResponderExcluir
  4. Muito legal o comentário sobre o blog pois estou tentando ler sempre q posso.

    ResponderExcluir