22 agosto 2011

TOC: Uma doença ou uma frescura psicológica?

Entre 2,5 e 3% da população do Brasil e de Portugal (pois sei que Portugal também acompanha meu blog) deve ter ficado indignada com esse título porque sabe a resposta. Os outros 97% devem ter ficado curioso para saber a resposta ou então devem achar que sabem a resposta mas não sabem não. Dentre os leitores do meu blog acredito que esse número seja maior, uns 90% dos leitores devem ter ficado indignado e os outros 10% devem estar curioso.
Se vc faz parte dessa porcentagem que não gostou do título porque sabe que TOC é uma doença é porque vc é um portador de TOC. Se vc ficou curioso ou acha que TOC é uma frescura aqui vai a oportunidade de vc aprender e se esclarecer.
Não gosto de chamar o TOC de doença mas sim de transtorno como o próprio nome diz. Por ele não ser uma doença ele não tem cura, mas tem controle e esse controle pode fazer com que 100% das obsessões ou compulsões desapareçam.
Por ele não ser uma doença muitas vezes não demonstramos os sintomas, ou melhor, os sintomas não são visíveis para as demais pessoas. Por esse fato quem não tem TOC ou não tem contato direto com quem tem TOC acha que a pessoa não sofre com isso. O portador de TOC não tem cara de dor como alguém com cólica renal ou com as contrações do parto. O portador de TOC não é pálido, apático como algúem que tem anemia ou outro problema similar. O portador de TOC não manca, não anda de bengala e nem de cadeira de rodas como em algumas deficiencias física mas ele sofre do mesmo jeito. Ele sofre mesmo com um sorriso no rosto, ele sofre mesmo sendo alegre, divertido, engraçado. Ele sofre por dentro, calado, sozinho, ele grita mentalmente, sem abrir a boca e por isso niguém escuta seu grito de dor.
Por esse motivo muitos acham que TOC é uma frescura, é carência e que fazemos os rituais para chamar a atenção. Pensam que podemos parar a hora que quisermos, que tudo isso não passa de invenção da nossa cabeça. Quase acertaram, realmente é algo de nossa cabeça mas não gerado por nossa própria vontade. Não somos loucos, tanto que temos consciencia de que nossos pensamentos obsessivos e rituais são absurdos e por isso temos vergonha e procuramos ocultar isso dos familiares, nos escondemos das demais pessoas para realizar tais atos mas não conseguimos nos controlar e evitá-los. Por esse motivo interpretamos tal necessidade como "mania", uma espécie de loucura, fraqueza, desvio da conduta ou perversão, o que aumenta a auto-crítica e os sentimentos de culpa.
Já temos problemas demais com esse transtorno e com o sentimento de culpa, não nos sobrecarregue ainda mais com seus julgamentos ou intolerância. A melhor forma de ajudar um portador de TOC é acreditar que isso é um transtorno, que é mais forte que nós, que realmente não faz sentido o que pensamos ou fazemos mas que é muito difícil enfrentarmos nossos temores até mesmo para confirmar que são infundados, o que permitiria a nós nos livrarmos dele.
O TOC não deixa marcas visíveis e por isso todos acham que estamos sempre bem mas ele machuca por dentro, abre feridas internas que mereçem atenção tanto quanto as demais feridas.

94 comentários:

  1. parabéns pelo post esclarecedor Miguelito, informação é muito importante sempre atualmente eu estou ficando mais no meu blog novo viu o gestão do lar qualquer coisa estamos aqui.
    bju

    ResponderExcluir
  2. Olá Miguelito,
    As pessoas precisam de informações e isso você está fazendo. Sou a mãe do garoto de 12 anos que tem TOC e tb teve( Síndrome de Tourette ).
    Parabéns pelo post.

    Um Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Tenho toc a muito tempo e meus pensamentos são absurdos! Penso que pessoas vão morrer se eu fizer certas coisas, que eu meu namorada vai terminar cmg se eu fizer outras coisas, meus pensamentos estão sempre relacionados as pessoas! Não sei mais o que fazer pois tudo, exatamente tudo que eu faço me dá medo! Perco muito tempo com os rituais! O meu ritual que me faz perder mais tempo é de escolher uma roupa! Penso que se eu colocar uma certa roupa vai acontecer uma desgraça, alguma coisa ruim, e às vezes até desisto de sair de casa por não conseguir me vestir! Vc já viu alguém assim?
    Seu blog é maravilhoso, sua iniciativa é linda!
    Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho o mesmo problema, com roupa de cama, toalhas, calcinhas, roupas, jóias, mas como a vida inteira só tive azar cheguei a conclusão que tudo isso não importa, pois nada me da sorte, o sofrimento de conviver com o toc e a depressão e de conviver com seres humanos podres que todos me magoam, já faz com que nada vá me trazer sorte mesmo. Esqueça e perca o medo, oque tiver que acontecer vai acontecer, não importa se estiver nu ou vestido, os objetos não mudam em nada a vida da gente, mas sim o fato da gente acreditar que não vai dar sorte.

      Excluir
    2. Deus e o senhor de tdo filha vc deve rezar �� e isso vai mudar cvc não teve azr a vida inteira dDeus permitiu que algo acontecesse pra algum propositoentrega tua vida ao senhor e o mais ele fara

      Excluir
    3. Tenho o mesmo problema que VC

      Excluir
    4. Tenho o mesmo problema que VC

      Excluir
  4. Oi mãe do menino de 12 anos :) Obrigado novamente pelos parabens, vejo que le todos os posts, isso dá mais animo em escrever pois como eu disse, eles não sao um desabafo meu mas sim esclarecedores do que acontece com quem tem TOC

    ResponderExcluir
  5. Olá anonima, infelizmente eu já vi alguém desse exato jeitinho que vc descreveu. Aliás, não vi apenas 1 alguém, vi vários alguéns desse jeito, eu mesmo sou um deles. 3% da população sofre de TOC assim como vc. Os rituais variam de portador para portador mas temos uma coisa em comum, eu tb tenho dificuldades para escolher roupas e me vestir. Eu pego uma roupa e logo largo ela no chão antes que me venha um pensamento ruim senão eu tenho que escolher outra roupa pois se colocar aquela acho que alguém que amo vai morrer. Ai, depois de jogar a roupa no chão eu tiro a minha e tento vestir rapidamente a calça antes de pensar algo ruim, senão tenho que escolher outra calça. Como todo ritual é uma tortura. Por mais absurdos que sejam seus pensamentos pode acreditar que tenho pensamentos parecidos ou iguais. Nunca coloquei aqui os pensamentos que realmente me veem à cabeça pois sei que quem naõ tem TOC iria achar que sou louco ou tarado mas com certeza todo portador de TOC ia se identificar com os pensamentos e pensar: caramba, penso a mesma coisa. Se quiser conversar melhor me envie um email ou então cadastre-se no grupo do yahoo que criei para discutirmos sobre o TOC
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. sério? eu pensei que o meu TOC não fosse tão comum, nunca ouvi alguém falar que tem dificuldades com roupas! às vezes fico horas tentando me arrumar! obrigada pelo convite! seu blog é uma iniciativa muito boa pq só quem sofre com essa dor sabe o quanto dói! às vezes tenho que levantar da cama nesse frio pra fazer algum ritual! fico desesperada pq não quero ir mais tenho tanto medo de fazer mal as pessoas! aqui a gente pode se ajudar e melhorar! muito obrigada mesmo pela sua preocupação pelo próximo! Que Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  7. Oi Miguelito,
    As vezes acordo super triste por meu filho de 12 anos ter esse TRANSTORNO ( filho único).
    " O pior do TOC é o PRECONCEITO e a falta de informação! Mas, quando olho ele profundamente e vejo o quanto ele é super inteligente( ele é o melhor aluno da sala no colégio e tb excelente aluno do curso de inglês), deixo minha tristeza de lado e agradeço muito a DEUS por tudo e tenho muita FÉ na cura desse transtorno.
    Afinal quem tem TOC me parece que tem QI acima da média...rsrsrs.
    Tb fico um pouco triste com seus depoimentos e peço a Deus por todos vcs.Adorei seu blog e sou sua fã pela sua coragem de seus posts e estou incentivando meu filho acessar-lo.

    Um Abraço e muita LUZ!!!

    ResponderExcluir
  8. Olá Anonima, muitos dos rituais são comuns entre os portadores de TOC. Se vc conversar com outros vai encontrar sempre pessoas que fazem as mesmas coisas que vc. Vc pula os riscos na calçaca? Ou então nao pisa em determinada cor ou azulejo?
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá Suellen, que bom que agora vc tem um nome para que eu possa chamá-lo, mesmo não sendo seu nome verdadeiro não importa. Entendo sua posição de mãe ao entristecer por ele mas não sofra por isso. O TOC é torturante mas ele nos amadurece mais rápido e nos fortalece de certo modo. Tenho certeza que seu filho é capaz de passar por situações que vc mesma não conseguiria passar. Cuidado com sua super proteção de mãe, principalmente por ele ser filho único. Muitas vezes a nossa vontade é de passar pelas aflições dos filhos do lugar deles para que eles não sofram mas esquecemos que é nas aflições e adversidades que eles crescem e amadurecem e se podarmos isso eles crescerão e amadurecerão pela metade e nunca estarão prontos para a vida. Agradeço suas orações, realmente Deus pode nos curar do TOC mas tambem Deus sabe de todas as coisas e Ele tem um propósito para cada um de nós. LEmbre-se, seu filho é perfeito e já ouvi de 3 psiquiatras que portadores de TOC são mais inteligentes.
    Beijos e quando precisar de conforto não deixe de escrever

    ResponderExcluir
  10. OI Miguelito,

    É verdade e ele é muito independente em tudo que faz. Estou sempre em conexão com DEUS e
    " Nada na VIDA é por acaso ".
    Um abraço e excelente final de semana!

    ResponderExcluir
  11. não! esses TOCs eu não tenho! o meu é que se eu fizer isso ou aquilo, alguém vai morrer ou eu vou brigar com alguém! às vezes tenho a sensação que é presentimento daí fico na dúvida fico morrendo de medo que não seja TOC que aquilo vá acontecer! fico desesperada com medo que possa ser verdade!

    ResponderExcluir
  12. PESSOAL INSCREVAM-SE NO GRUPO DE
    " DISCUSSÃO SOBRE TOC "
    no alto do lado de direito da tela.
    O Moderador é Miguelito Júnior.
    Iremos trocar informações e conhecer mais esse transtorno.Sou mãe de um garoto que tb tem esse transtono.

    Um abraço e estamos aguardamos todos que visitam a página desse excelente blog.

    ResponderExcluir
  13. É anonima, esse é o problema do TOC, achamos uqe pode ser um pressentimento, que nosso pensamento tem o poder de fazer as coisas acontecerem mas na verdade ele não pode. Só que nós não arriscamos, nao deixamos de fazer os rituais para ver se realmente não acontece nada de mal. Vc faz tratamento? Procurou um profissional já? Inscreva-se no grupo para conversarmos melhor
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Obrigado Suellem pela força, espero que possamos ajudar juntos muitos portadores de TOC

    ResponderExcluir
  15. é verdade! já testei algumas vezes e vi que não aconteceu! mais mesmo assim não tenho coragem de enfrentar! pq às vezes penso que vai acontecer uma desgraça daí qualquer coisa de ruim que acontece eu penso que aquilo foi a desgraça que eu pensei que ia acontecer mais se for pensar racionalmente foi uma coisa normal que não pode ser chamada de desgraça! faço, tomo remédio e já fiz terapia! abraço!

    ResponderExcluir
  16. Pessoal achei esse texto muito mágico e resolví dividir com vcs! ( Ele não está completo e batizei ele como escola do TOC).

    TEXTO: ESCOLA DO TOC

    Aprende que falar e escrever pode aliviar dores emocionais. Descobre que se leva anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la. A vida é muito curta para acordar com arrependimentos. Ame as pessoas que te tratam bem. Ame, também, àqueles que não, só porque você pode. Acredite que tudo acontece por uma razão. Se tiver uma segunda chance, agarre com as duas mãos. Se isso mudar sua vida, deixe acontecer. Aprende que, ou você controla seus atos, ou eles o controlarão… e que ser flexível não significa ser fraco, ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem, pelo menos, dois lados. Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou. E que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o CONSERTE. E você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, em vez de esperar que alguém lhe traga flores! E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!
    E que seja feliz!
    Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar se não fosse o medo de tentar. (William Shakespeare).

    ResponderExcluir
  17. Gostei muito do texto acima.
    Me motivou e tb acho que tenho TOC.
    Muito bom esse blog...conheci essa semana.

    ResponderExcluir
  18. Amigo...quem tem síndrome do pânico, também pode desenvolver toc?Porque acho que tenho toc. Tomando medicamentos para esses transtornos o paciente não pode ingerir alcóol?

    ResponderExcluir
  19. Esse transtorno parece que é mais comum do que achamos.
    Conheço um amigo que trabalha comigo (numa ONG, mais ou menos 3 anos)e vejo ele repetindo sempre uns rituais, achei que era bobagens mais agora estou pesquisando.
    Gostaria muito de poder ajudá-lo.

    ResponderExcluir
  20. Obrigado Fátima, se quiser vc pode se entrar para nosso grupo de discussão onde, de forma anônima, conversamos sobre o tema TOC, tirando duvidas, esclarecendo, etc. PAra se inscrever é só criar um email ficticio e adicinar no inicio do blog.
    Espero que eu possa ajudá-la

    ResponderExcluir
  21. Olá anonimo, o TOC pode vir com outras comorbidades, ou seja, em conjunto com outros sintomas então é possível que vc tenha TOC e desenvolveu sindrome do panico por causa dele. Geralmente antidepressivos entre outros medicamentos não podem ser ingeridos comcomitante com bebidas alcoolicas mas somente seu médico pode confirmar isso

    ResponderExcluir
  22. Oi anonima, realmente esse transtorno é mais comum do que se pensa mas é pouco divulgado. OS estudos apontam que 3% da população tenha TOC mas esse numero é somente dos portadores conhecidos pois muitos portadores nao sabem que o que eles tem é TOC e outros não declaram então esse número pode ser maior. Espero que vc se inscreva em nosso grupo de discussão para que possa trocar ideias e ajudar seu amigo. Pq vc não envia o link do blog para ele como quem não quer nada? Quem sabe ele nao le e nao se identifica?

    ResponderExcluir
  23. eu me chamo Paula sou mãe de um rapaz de dezoito anos , desde que descobrimos que ele tem toc estamos sofrendo muito, pois sua duvidas, confissões e perguntas são bem frequentes, esta fazendo tratamento com sertarlina, riperidona, e luvoz, apesar da grande melhora é sempre um sofrimento ver um filho ir desistindo daquilo q gostaria de fazer por não consegui segurar alguns sintomas ao mesmo tempo temos agradecido a DEUS por saber que as informações chegam ate nós um exmplo é este blog que me ajudou muito, descobrimos faz pouco tempo que meu filho tem toc , no começo quase enloquecemos por não saber o que estava acontecendo pois as crise eram muito fortes desespero total, agora mas calmos e confiante queremos ajuda-lo de todas as formas possiveis , sei que não é facil pois a dor de quem sofre esse transtorno é indescritivel , mas todos nos juntos dando as mãos buscamos forca para viver da melhor forma possivel, agradeço a todo vcs pois seus depoimento me ajudaram a enteder a cada dia pois ja visitei varias vezes mas é a 1 que posto um comentario , como é importante pois a informação nos alivia e nos da forças, para continuar , muito obrigadooo

    ResponderExcluir
  24. Eu tenho Toc, descobri a pouco tempo pois estava criando muitos rituais, fazer certas atividades na sequência, lavar as mãos o tempo todo, mania de limpeza, nojo de certos lugares, medo das pessoas, medo de algo na rua...isso estava me escravizando. Infelizmente as pessoas não me entende...acham que isso é frescura, é orgulho, e eu tenho afastado principalmente, os parentes de mim, das outras pessoas tento esconder porque elas não seriam capazes de me compreender, perderia muitas "amizades"...É um problema psicológico, busco ajuda em Deus, livros de autoajuda...mas percebo que sempre me foge do controle...

    ResponderExcluir
  25. Olá Enila, que bom que criou coragem para escrever. Realmente as pessoas não compreendem que isso é um transtorno e deve ser tratado, que foge do nosso controle por isso tb procurava esconder das demais pessoas mas cansei de esconder no meu buraco e observar as pessoas de longe por ter vergonha do TOC. Agora elas é que terão vergonha de suas atitudes egoísta em não procurar compreender o que é o TOC para não recriminar quem tem.
    Vc já procurou a ajuda de um psiquiatra?

    ResponderExcluir
  26. ola chamome carla,e sofro do mesmo neste momento estou com problemas com o meu marido,nao sei como comecou nem quando acabar,neste momento estou limpando a casa sempre que alguem sai ou entra tenho que lavar o xao,ate a pouco tempo atras gastava 14 litros de lixivia por semana,cheguei a queimar as maos e os pes de tanto excesso de lixivia,obrigo todos daqui de casa a lavarem se varias vezes sempre que entram em casa e nao saiem mais.tenho um sofrimento tao grand,ninguem me entende as vezes nem eu mesma mas sinto k tenho de fazer ,sou mesmo obrigada a fazer senao tenho sempre estes sentimentos horriveis dentro de mim.nunca saio a rua pois como nao trabalho estou sempre e so saiu ao sabado pa ir as compras mas so deus sabe o castigo que é,pois tenho nojo de todo que vem de la de fora.sintome cansada de tantas horas perdidas a lavar o xao,mas é impossivel nao o fazer ,estou com ideias de procurar ajuda pois tenho medo de perder o meu mais que todo e os meus meninos.

    ResponderExcluir
  27. Ola Carla, entendo perfeitamente o que vc fala. Nao acredito que seu marido deixaria vc por causa do TOC muito menos seus filhos. A melhor opcao eh procurar ajuda de um psicologo que trate a familia tb. Ele vai explicar como seu maridos e filhos devem cuidar do seu TOC.
    abracos

    ResponderExcluir
  28. Oi eu ando num sofrimento constante, eu sei que tenho TOC e ando seriamente a pensar em procurar ajuda psiquiatrica mas é muito dificil tomar esta decisao. Bem o meu problema é que por exemplo quando olho para os olhos das pessoas veem me pensamentos a atormentarem que essas pessoas ficarao cegas, pf me ajude


    Abraço

    ResponderExcluir
  29. Ola Anonima, aconselho vc a procurar ajuda sim, quanto mais vc demora a procurar mais sofre com essa doenca e cada dia mais ela vai se enraizando em vc. Eh duro procurar um psiquiatra e falar todas essas "loucuras" mas lembre-se de que vc nao eh a unica a sofrer disso, isso nao eh loucura e os psiquiatras estao mais que acostumados com esses depoimentos.
    Quando quiser conversar fique a vontade
    Beijos
    Miguelito

    ResponderExcluir
  30. eu achei muito importante o assunto sobre o toc ,para que as pessoas que sofrem essa doença vejam que elas não estão sozinhas e coloquem em seus corações que tem um DEUS que cuidem delas. Jesus ti ama, não se esqueça.Um abraço.

    ResponderExcluir
  31. Olá, sábias palavras. Eu confio em DEus e entreguei meu coração a Ele. Assim como Deus respondeu a Paulo: A minha graça te basta quando Paulo orou por 3x para que seu espinho na carne fosse retirado acredito que tb é essa a resposta de Deus para meu pedido de cura do TOC. Então, se tudo posso Naquele que me fortalece, vamos para frente :D

    ResponderExcluir
  32. "Ele sofre mesmo com um sorriso no rosto, (...) ele grita mentalmente, sem abrir a boca e por isso niguém escuta seu grito de dor."
    Quando li esta passagem a minha boca sorriu e os meus olhos encheram-se de lágrimas. Sorri por saber que alguém me compreende. Chorei por todas as vezes que gritei mentalmente, que me atirei contra a minha cama e apertei a cabeça a pensar "mas porque é que eu tenho estes pensamentos? já chega!"
    Obrigada por partilhar as suas emoções. Nunca falei do meu toc com ninguém que sofresse do mesmo. É bom ver a sua coragem de partilhar os seus desabafos. E é bom saber que não estou sozinha. Os seus textos são inspiradores. Muito, muito obrigada.

    Cumprimentos de portugal.

    ResponderExcluir
  33. Oi querida amiga de Portugal, gosto muito de vcs :). Recebo algumas mensagens do povo daí e é sempre um sorriso no rosto quando alguém me escreve de Portugal. Espero que vc não pare nesse comentario e escreva muito mais. Nâo queria colher lágrimas do seu rosto mas sim sorrisos então próximo post farei ele mais alegre e dedicado às mulheres de Portugal. Arpoveitando a data, parabéns para voces. Hoje é o dia internacional da mulher :D

    ResponderExcluir
  34. Sou a mesma que postou no Amor e TOC e pediu desculpa por ser anónima :)
    Obrigada pelas suas palavras!
    Devia arranjar um nome ficticio....

    ResponderExcluir
  35. entrei no site despretensiosamente e gostei mto do que li...
    compartilho qdo vc e uma pessoa escreveram sobre 'sorriso no rosto e a mente inquieta'... sendo uma pensadora, acadêmica, e mesmo psicóloga, o toc ganha os rumos do pensamento de uma forma absurda que não posso imaginar que quando menos espero, vai ganhando outros rumos... faço tratamento há decada já, e é para sempre... e acho que ainda posso encontrar um meio termo para mta coisa... não é fácil.. para além de medicamentos, é uma consciência de si e um exercício constante... e cada um de nós é que, de fato, sabe o que passa no nosso interior... abraços carinhosos a todos e ao autor, especialmente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carolina, obrigado por suas palavras, lindas e precisas :)
      Beijos

      Excluir
  36. Caracas ,nunca tinha oensado nisso ,mas acho que sou uma portadora de TOC - tipo ,meus pensamentos são tipo esses (Se eu não tomar banho hoje até 00:00h eu vou morrer ou alienígenas vem me pegar aqui na Terra)sei que são absurdos e estou começando a perceber que sou uma portadora de TOC à muito tempo mesmo ,não tenho coragem de contar para NINGUÉM da minha família pois sei que não vão acreditar em mim ,que pe frescura minha ... ESTOU COM MUITO MEDO !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Larissa, vc jah procurou um psiquiatra? Se nao eu aconselho que procure para ver se realmente o que vc tem eh TOC. Se for ele ira te medicar e vc vai ver como tudo melhora com medicamento.
      Quanto a contar para sua familia faca isso soh se vc tiver vontade senao nao faca.
      Beijos

      Excluir
  37. Ola pessoal vou descrever abaixo meu sofrimento q ja duram 4 meses! Nao vi nenhum relato igual ao meu mais e o seguinte!!!
    Meu nome e Antonio tenho 28 anos,
    Tudo isso comeu a cerca de 4 meses atras quando reencontrei uma garota no qual havia dado uns beijos quando tinha 17 anos, comecamos a sair e depois de 15 dias fomos ao motel no qual eu falhei, na semana seguinte fomoa dinovo ao motel e falhei novamente tava com medo e tal, isso virou uma paranoina na minha cabeca e comecei a pensar q poderia estar virando homosexual, isso virou uma bola de neve muito grande, desde o primario sempre beijei e sai com garotas nunca tive vontade de sair com homens nunca na minha vida, ja namorei 4 mulheres no qual fui apaixonado, e nessa quinta estou sofrendo com isso, ja fui a psicologa e ela disse q meu problema nao tem nada a ver com homosexualidade visto q ate hj quando estou com ela tenho erecoes normal, ja tentei quase q uma centena de vez me masturba com pensamentos homo e nada sem erecoes em seguida pensava em mulheres e em menos de 1 minuto tinha erecao, isso quase q virou uma compulsao porem por orientacao da psicologa parei com isso! Ela me orientou a preoucurar um psiquiatra no qual estou a 3 meses tomando medicacao! Minha vida depois disso virou de cabeca pra baixo nao aguento maid ter essas sencaoes e visoes no qual me da muita aflicao, medo e as vezes desespero total, minha mao fica suando sempre a sencacao de nó na garganta, me afastei do emprego por cauda disso! Meu psiquiatra recomendou q eu faca psicoterapia pq e uma coisa mais aprofundada no qual pode resolver meu problema! Me sinto muito mal com isso, nao aguento mais estar com minha namorada e derrepente vir q sencacao ou prensame to de que estou beijando abracando um
    homem, nao tenhi e nunca tive preconceito nenhum com homosexuais inclusive na minha familia tem um primo q e homksexual e sempre tive uma relacao normal com ele, desde pequeno ele demonstrava maneiras de meninna, vestia roupa da mae, sapato, odiava brincar com os mlk etc,,, hj ele e gay assumido a um bok tempo ja e nunca tive nenhum preconceito e nem tenho!!
    Minha vida esta um caos, todo homem q vejo na rua me vem imagens que estou beijando dle na boca e na hora me da uma aflicao, todo homem q passa por tras de mim me vem o pensamento q esta me penetrando e me causa muita aflicao tb! Nunca gostei disso e nunca vou gostar semprr senti tesao ( errecao com mulheres nunca por homem ja tentei varias vezes masturbacao e tal e nunca tive erecao) esta muito triste minha vida depois disso tudo, sei q e normal homem falhar na hora H porem como nunca tinha acontecido comigo antes nao souber lidar com essa frustracao e acabei sendo diagnosticado com toc! Espero q vc entendam tudo q coloquei acima e me entendam, estou com minha namorada pq gosto muito dela e sei q nao sou homo e nem tenho tesao por homens so por mulheres, toda vez q a vejo e comecamos a nos acariciar tenho erecao normal isso pra mim e mais do que prova q sou homem, so q estes pensamentos nao saem da cabeca, ess semana volto a trabalhar pra ocupar a cabeca e iniciar a psicoterapia para eliminar esses pensamentos, sencacoes e visoes da minha cabeca e viver uma vida normal com minha namorada! Todos os dias pe o a deus pra me livrar dessa doenc tao devastadora e tenho fe muita fe que ele esta e vai promover minha cura, obrigado a todos q dedicaram o sem tempo a ler meu relato! Fiquem com deus!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Po cara, achei impressionante isso, por que tenho um toc bem parecido com esse lance de homossexualismo, sempre gostei e gosto de mulheres, tenho namorada tudo normal, mas antes mesmo de namorar ela, uma vez um gay falou pra mim que era possível sim qualquer homem transar com outro, ele fez um teste, ficou massageando minha coxa e nada, depois fechei os olhos e ele continuou, po cara teve uma reação, mas erogena mesmo, dai pra lá ficou batendo um tico e teco, desde então estou numa psicológa que estou melhorando, apesar de em alguns tempos ainda ficar meio pra baixo, mas estou melhorando mesmo. Mas enfim, é muito maneiro saber que tem outras pessoas com os mesmo problemas que podem se ajudar. E valeu pela iniciativa e pelas palavras ai Miguelito !

      Excluir
    2. Passei por uma situação semelhante a essa. No início de 2012 conheci uma mina e tive a oportunidade de levá-la pra casa, no entanto brochei. Já havia brochado outra vez com outra garota, mas isso foi meses depois que tomei um pé na bunda de uma ex-namorada (há uns 5 anos, fiquei muito mal pois curtia ela pra caramba... inclusive, depois do último rompimento, nunca mais namorei... e pra piorar, me afundei em vídeos pornográficos e masturbação). Desde então comecei a me perguntar se havia perdido o interesse por mulheres e se estaria me tornando homossexual, apesar de nunca ter tido qualquer interesse (sexual, afetivo) e muito menos envolvimento com homem. Então passei a fazer testes pra ver se eu sentia algo quando via um vídeos ou fotos homossexuais. Sentia-me muito mal com isso, além de um nervosismo e tensão grandes (cheguei a ficar excitado quando vi um video de um cara transando com um travesti). Aí a coisa ficou pior ainda, encuquei com isso de tamanho modo que passei a ter problemas de ereção quando vejo fotos de mulheres nuas, coisa que eu sempre tive muito prazer. Não sei o que está acontecendo... será que é TOC tb ou descobri que sou homossexual com 34 anos? Alguém poderia me recomendar como proceder? Obrigado.

      Excluir
    3. Não me parece ser TOC, acho que a melhor solução é vc procurar um profissional, um psiquiatra ou psicologo. Não acredito que seja homossexual, isso tem cara de ser uma neura da sua cabeça

      Excluir
    4. É, tb acho que isso foi criado pela minha mente. Tenho lido muito sobre esse assunto e vi declarações de pessoas que passaram pelo mesmo que eu. Desde ontem comecei a policiar essa neura, espero que em breve retomo minha vida (principalmente a sexual) normalmente. Parei com pornografia e masturbação tb, coisas que devem ter contribuído um pouco para tudo isso. Obrigado pela resposta.

      Excluir
    5. Tenho mais uma dúvida: toda vez que fiz os testes vendo fotos de homens nus para ver se eu ficava excitado, nunca fiquei com o pênis ereto, no entanto percebi que ficava com vontade de urinar. Seria por tensão e nervosismo ou seria excitação? No caso de excitação, seria homossexualismo não? Li alguns artigos sobre excitação/ereção... lá dizia que ficar excitado é diferente de ficar com o pênis ereto. Novamente, obrigado pela paciência... é que está complicado, tenho perdido até horas de sono com tudo isso.

      Excluir
    6. ola amigo(s) estou passando pela mesma situação


      A algum tempo atrás, em um exame de rotina descobri que poderia ter diabetes e isso me fez ter uma extrema ansiedade, gerando palpitações e panico , pois toda hora ficava com aquilo na cabeça de que poderia estar com diabetes.

      Junto a este transtorno, veio também uma "ideia" na minha mente de assistir um filme adulto homossexual. Pois bem, foi somente uma ideia pois sou heterossexual e nunca tive um comportamento homossexual.

      A partir daí minha mente começou a criar pensamentos homossexuais de todos os generos, onde isto me fere moralmente , uma vez que não tenho vontade de fazer estas coisas, e os pensamentos não saem mais da minha mente.

      A partir destes pensamentos, comecei a parar de sair , evito lugares que há pessoas do mesmo sexo , tive vontade de trancar meu curso, uma vez que tinha medo de criar uma "atração"por pessoas do mesmo sexo, quando penso em uma "viagem" por exemplo, em minha cabeça cria-se um medo de criar uma atração por pessoas do mesmo sexo ou de fazer coisas que vem na minha cabeça relacionadas aos pensamentos homosexuais que tenho e muitas outras coisas.

      Gostaria de perguntar se isto pode ser considerado um TOC ?

      Meu maior problema é pensar na possibilidade de ser um homossexual, coisa que não sou. Nunca tive atração por pessoas do mesmo sexo e isto também me gera muita angustia e é um pensamento que não consigo tirar da cabeça.

      Tive outros pensamentos além destes como de medo de matar alguém, pensamento de fazer sexo com animais , pensamentos bizarros que nunca passaria pela minha mente.

      Isto tudo me gerou e ainda gera muita angustia , ansiedade e pensamentos de me matar.

      Fui no psquiatra e a mesma informou que posso ter transtorno de bipolaridade e me deu remédios como Clonazepam, Depakote e Rivotril mas ainda não tive nenhuma melhora. Gostaria de perguntar se algum de vocês obteve algum tipo de melhora depois do tratamento, se voltaram a vida "heterossexual" normal e se ainda tem sequelas desta experiência traumática e ruim.

      Excluir
    7. Boa tarde, pelas as obsessões relatada por todos vocês, acredito na possibilidade de se tratar de TOC sim, discordando do que disse Miguelito. Esse TOC é conhecido como HOCD, que seria o medo de ser ou vir a ser homossexual, deem uma pesquisado sobre o tema no google e procurem um psicólogo.

      Excluir
    8. Bom galera o meu relato é parecido,sempre tive minha vida normal namorei 4 meninas e sempre muito bom so que desenvolvi esses tipos de pensamentos que me afetam afetam e me deixam tristes,nunca tive nenhuma atração nem nada mas esses pensamentos não saem da minhan cabeça,logo no começo disso quando vinha eu me masturbava pra provar ao contrário ,provar que sou hetero,fui na psicóloga ela disse que não tinha nada haver e era coisa da minha cabeça,minha vida desandou dps disso só quero me livrar disso

      Excluir
  38. Miguelito parabens pelo blog achei muito interessante e de muita boa vontade a ajudar quem sofre deste problema!!!

    ResponderExcluir
  39. So complementando sempre sai com mulheres sempre tive amigos no qual sempre estavamos na balada pra ver as meninas ver quem conseguia beijar mais mulheres e tal, desde pequeno sempre pensei e sem me masturbei pensando em mulheres nunca na minja cabeca me passou a possibulidade de sair com homens creio q se eu fosse homo isso iria se manifestar na adolecescia ou na minha juventude!! Nao agora com 28 anos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, a pessoa não nasce homo e nem vira homo por causa de uma doença. Homossexualismo não é uma doença mas sim uma escola que vc faz. Se vc já se decidiu por ser hetero realmente não é agora que vai mudar. O toc é uma doença que sempre nos trás a mente o contrário do que somos ou pensamos porque senão não teria graça. Se NÃO somos pedófilos os pensamentos que o toc trás é de pedofilia, se NÃO somos homo o pensamento é de homossexualismo.

      Excluir
    2. ola amigo(s) estou passando pela mesma situação


      A algum tempo atrás, em um exame de rotina descobri que poderia ter diabetes e isso me fez ter uma extrema ansiedade, gerando palpitações e panico , pois toda hora ficava com aquilo na cabeça de que poderia estar com diabetes.

      Junto a este transtorno, veio também uma "ideia" na minha mente de assistir um filme adulto homossexual. Pois bem, foi somente uma ideia pois sou heterossexual e nunca tive um comportamento homossexual.

      A partir daí minha mente começou a criar pensamentos homossexuais de todos os generos, onde isto me fere moralmente , uma vez que não tenho vontade de fazer estas coisas, e os pensamentos não saem mais da minha mente.

      A partir destes pensamentos, comecei a parar de sair , evito lugares que há pessoas do mesmo sexo , tive vontade de trancar meu curso, uma vez que tinha medo de criar uma "atração"por pessoas do mesmo sexo, quando penso em uma "viagem" por exemplo, em minha cabeça cria-se um medo de criar uma atração por pessoas do mesmo sexo ou de fazer coisas que vem na minha cabeça relacionadas aos pensamentos homosexuais que tenho e muitas outras coisas.

      Gostaria de perguntar se isto pode ser considerado um TOC ?

      Meu maior problema é pensar na possibilidade de ser um homossexual, coisa que não sou. Nunca tive atração por pessoas do mesmo sexo e isto também me gera muita angustia e é um pensamento que não consigo tirar da cabeça.

      Tive outros pensamentos além destes como de medo de matar alguém, pensamento de fazer sexo com animais , pensamentos bizarros que nunca passaria pela minha mente.

      Isto tudo me gerou e ainda gera muita angustia , ansiedade e pensamentos de me matar.

      Fui no psquiatra e a mesma informou que posso ter transtorno de bipolaridade e me deu remédios como Clonazepam, Depakote e Rivotril mas ainda não tive nenhuma melhora. Gostaria de perguntar se algum de vocês obteve algum tipo de melhora depois do tratamento, se voltaram a vida "heterossexual" normal e se ainda tem sequelas desta experiência traumática e ruim.

      Excluir
    3. Olá amigo beleza, então cara, passo pela mesma situação, e posso afirmar, É TOC SIM, fica tranquilo que vc não é homo não, eu digo por mim, pelos sintomas, ja tomo remedioa a mais de ano, melhorei muito, só que tenho muita ansiedade ainda, e sei tbm que a melhor forma de tirar esses pensamentos da mente é não dando bola, não lute contra, não faças as compulções( se vc tiver) , pois quanto mais pensa, mais luta, mais isso cria força em sua mente.. todo mundo que tem toc, é muito preocupado, ai quando pipoca um pensamento nornal do tipo= se eu for gay? se eu matar alguem? se eu pular da ponte? quem tem toc, em algum momento da vida provavelmente vai ter esse tipo de pensamento, o problema é que ele não va pensar ,, ahh é apenas um pensamento normal, quem tem toc vai pensar, vixe sera? ai que começa a doença se expandir na pessoa e trazer muito sofrimento!!! procure um medico psiquiatra, e um psicologo, são eles que podem te ajudar com medicamentos, agora essa doença não tem cura, ela tem alto controle saiba disso, vc nunca vai se livra desses pensamentos horriveis, mas pode controlar e ter uma vida melhor.. eu tenho todo o tipo de pensamento igual vc tem, e mesmo assim eu sou muito feliz com minha noiva, que ja estamos juntos a 5 anos,graças a deus, e estamos quase de casamento marcad porque amo ela,, to deixando os pensamentos do toc de lado, e vivendo minha vida, as vezes tenho crises, mas sei que é da doença, ai procuro me controlar o maximo possivel. susseço.

      Excluir
  40. oi eu sofro muito com o toc pois morro em um cidade muito pequena sem infomação as vezes eu penso que vou enloquecer certos pensamentos que não querem sair da minha cabeça penso que vou ficar maluca eu queria uma forma de eliminar esses pensamentos eu sei que não tenhe cura mais eu queria pensar menos em certas coisa pois isso já esta atrapalhando minha vida eu não me lenbro quando foi a ultima vez que eu dormi uma noie inteira precisso de ajuda tenho 23 anos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, um jeito de vc diminuir a intensidade desses pensamentos é ir a um psiquiatra para ele receitar um remédio. Vc vai ver que os pensamentos diminuem e os poucos que aparecem não incomodam muito. A terapia com psicóloga ajuda vc a lidar com os poucos pensamentos que aparecem.
      Espero que te ajude

      Excluir
  41. Oi, nossa, eu tenho toc e sério, é horrível, tem vezes que eu acho que meus pensamentos vão se tornar realidade, e aí me disseram pra eu parar com isso e parar de evitá-los e tentar parar de fazer as manias também, deu certo, parei com as manias, ainda tenho discretamente e não tomei remédio, quando tomei, eu fiquei praticamente dopada, e tô fazendo academia, tudo...mas a minha dúvida é quais são as suas dicas para quando eu estiver em desespero e outra coisa é se você poderia me contar mais porque falam que as pessoas com toc são consideradas mais inteligentes?

    Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anonima,
      Quando vc estiver em desespero e seus pensamentos cresceram a ponto de vc pensar que são quase realidade lembre-se de que pensamentos não tem poder. Vc pode pensar o que quiser que isso não vai acontecer só porque vc pensou. As coisas acontecem porque tem que acontecer, independente se pensarmos ou não. No desespero procure ser racional, nao deixe o pensamento catastrófico dominar vc. Pense se aquilo realmente é verdade, quais as chances de acontecer e procure se acalmar para pensar com clareza.
      O porque de os portadores de TOC serem mais inteligentes eu não sei mas que eles são isso são mesmo :)
      Viva nós ;)
      Beijos

      Excluir
    2. isso é toc, alto controle é tudo.... fé em deus e bóra dominar o toc :)

      Excluir
  42. Bom dia
    Meu nome é Daniela Marques, tenho um filho de 11 anos, quando ele tinha mais ou menos seis anos, começou com uma idéia de que a cabeça dele mandava ele fazer determinadas coisas, na época fiquei assustada achava que meu filho estava com algum problema e levei ao piscicilogo, mas nunca falei com ela fez algumas seções e falava com ele e ele dizia que ficava desenhando, na época tirei ele das consultas e resolvi deixar passar o tempo e ele melhorou.
    Há um ano ele começou de novo com os mesmos pensamentos que a cabeça dele manda ele fazer determinadas coisas, como por exemplose colocar uma mão em alguma coisa tem que colocar a outra também, que tem medo de acordar dentro do caixão quando morrer, estou apavorada.
    Tem horas que parece que esta fazendo isso para me chamar a atenção, mas hoje já não sei mais o que é.
    Ele é muito inteligente, somente tira notas boas na escola, mas antes de ir fazer a prova tem sempre medo da prova.
    Ontem ele corou muito dizendo que estava ficando louco, estou desisperada não sei o que esta acontecendo com ele.
    Daneiela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniela,
      Pelo o que vc conta seu filho parece ter toc mas somente um psiquiatra é que poderia diagnosticar. Nem todos os psicólogos estão preparados para diagnosticar o toc ou para trata-lo. Psiquiatra não é médico de louco e somente com remédios é que seu filho pode melhorar do toc pois o toc e causado por falta de serotonina. Junto com tratamento do psiquiatra é interessante ele fazer terapia cognitiva-comportamental com um psicólogo que seja bom nisso.
      Espero ter ajudado vc.
      Beijos

      Excluir
  43. Oie eu c8ntei pros meus pais e eles acham q e coisa da minha cabeca e estou ficando pior antes n tinha pensamentos mas agora tenho e sao pensamentos 8nacreditaveis

    ResponderExcluir
  44. Bom dia.
    Eu também sofro de TOC, eu sei que preciso passar com especialista, mas o medo e a vergonha não deixam. Uma vez eu tentei passar, mas não consegui agendar uma consulta com um psicólogo, então, eu desisti. Eu tenho TOC, há 5 anos, eu estava na 6ª série, lembro dos primeiros sinais, os meus lápis de cor, tinham que estar todos alinhados, no estojo tds com as pontas para o mesmo lado, mas até aí eu achava normal,que seria apenas uma mania, só fui perceber que se tratava de uma doença, ou um transtorno, quando vi uma reportagem na tv sobre o TOC. Desde então, ele só veio aumentando. Esta me atrapalhando muito, desde a hora que eu acordo, até na hora de dormir, perco tempo, ao ter que fazer os rituais, está me atrapalhando nos estudos tmb, e até na leitura, que é uma coisa que eu amo.
    Eu sei que só conseguirei "acalmar" esse rituais, e pensamentos, fazendo o tratamento, mas quando eu tomarei coragem, eu não sei...

    Adorei o posto.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  45. Miguelito, OBRIGADA POR NOS AJUDAR!

    Vc escreveu exatamente o que eu sinto (sofro)... sempre o medo de que alguém que eu amo MUITO morra, se eu comprar tal coisa (qq coisa que me dê prazer: roupa, óculos e etc) me dá esse pensamento torturante...
    É uma prisão.
    Que Deus lhe dê em dobro... toda essa ajuda que vc dá para nós!

    ResponderExcluir
  46. Olá...
    A pouco tempo descobri que tenho TOC ou melhor que isso é uma doença e que afeta muitas pessoas, tenho TOC desde pequena na verdade teve vezes que cheguei a pensar que estava ficando louca, em casa todos notavam meu comportamento estranho até davam rissadas mais nunca passou pela cabeça de ninguem que isso era um transtorno,posso disser que sao anos de angustia, sofrimento profundo, vergonha, medo que me sinto feliz por ler tantos relatos embora sinto pena de quem tem TOC... nunca consegui falar de meu problema cm ninguem até que esses dias consegui desabafar cm uma colega da faculdade, contei tudo o que faço meus rituais,embora a maioria dos meus pensamentos nao tenho nem coragem de contar de tao absurdos que eles parecem...o TOC tem atrapalhado minha vida em muitos aspectos porque por causa desse transtorno deixo de fazer muitas coisas que gostaria, e o tema das roupas tambem tenho problema cm isso tem roupas que nem uso porque si eu usar esse vai o morrer ou aquele sei la é horrivel, ja rezei muito e tem dias que estou melhor mais quando acontece alguns problemas seja eles familiares ou profisionais o TOC volta cm toda a intesidade... mais agora que sei que nao sou só eu que tenho esse problema e que isso tem tratamento vou procurar ajuda!!

    ResponderExcluir
  47. Tenho TOC. Com apenas 17 anos sinto isso a uns 3 anos atras. Isso é horrivel. Passo por cada coisa, que depois fico imaginando o que eu estou fazendo. Eu acho que estou começando uma loucura, mas depois penso que não. So soube que isso era TOC depois de uma reportagem no fantástico no mês passado. E fico preocupado em saber que nao tem cura =/

    ResponderExcluir
  48. Por favor

    Quem puder me adicionar. pudiamos formar um.chat para conversarmos.
    Tem hora que.eh mto angustiante.
    Meu email é thaistoc@hotmail.com
    Vamos conversar.
    Tenho pensamentos horríveis. Homossexual, pedofilia, duvidas, doença, etc etc etc. por favor me ajudem.
    Vamos nos ajudar.
    Fui no psiquiatra e agora comecei terapia.com psicóloga.
    Aguardo contato

    ResponderExcluir
  49. Oi Miguelito, estou te escrevendo porque não sei mais o que fazer, às vezes penso em morrer, não tenho paz nem pra dormir, os rituais e principalmente os pensamentos obsessivos ocupam muito do meu tempo, estão consumindo todas as minhas forças. Sofro calada, e apesar de encontrar outras informações pela internet e saber que a única forma de se livrar desse terrível mal é simplesmente não cumprir os rituais, ainda sim não consigo estar completamente livre, me sentir bem perto das pessoas e me comportar feito uma pessoa normal.
    Demoro no mínimo uma hora e meia no banho, lavo as mão constantemente, não me sento em lugar nenhum, evito de comer fora de casa e tambem de ir ao banheiro, fico preocupada porque sei que isso prejudica a minha saúde, e me causará males piores, como das vezes em que eu me automedico por algum motivo banal, mas que o TOC me faz acreditar que de alguma forma se eu não tomar uma cartela quase toda de comprimidos isso destruirá a minha vida e de todos que prezo, às vezes me sinto um vegetal, parece que minhas atitudes e pensamentos são todos controlados por uma espécie de ''segunda mente'', precisava tanto de estudar mais mas sempre aparece algum ritual e pensamento ruim que me desvia e me atrasa dos estudos; tenho TOC desde que eu me lembre como gente, só que de uns dois a tres anos pra cá começou a ficar mais crítico, piorando a cada dia me fazendo eu viver mais mal com as pessoas e principalmente comigo mesma. Peço a tua ajuda e teus conselhos
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
  50. Sofro desse transtorno desde que nasci, já apresentei milhares de sintomas e rituais. E um que sempre me pertubou e que neste momento da minha vida está me prejudicando demais é um sintoma que eu nunca vi em outras pessoas, apenas comigo. Este sintoma é complicado de esplicar que é ter tipo um "nojo" de determinadas pessoas. É mais forte do que eu, nao tenjo controle, se uma dessas pessoas da qual eu tenho esse tipo de "nojo" encosta em uma parte do meu corpo eu twnho que imediatamente esncostar em uma outra da qual eu nao tenha esse nojo, tudo que eu faço eu tenho que pensar primeiro em pessoas que eu nao tenha nojo, senão nao consigo faZer nada. Estudei numa escola publica durante 1 ano sercada de pessoas que eu tenho esse nojo, e isso me pertuba ate hj. Nao consigo dizer isso pra ninguem. Peço as pessoas que nao tem toc para nao me levarem a mal, é maior que eu. Trocaria qualquer sintoma de toc que eu ja vi ate agr por este que acabei de citar. E se alguem presencia algo parecido, por favoe comente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá ! eu tbm tenho quase os msm sintomas , estou sofrendo muito com isso vou contar um pouco o que passo todos os dias : se alguma pessoa que eu nao tenha tido um afeto bom ou boas lembranças encosta em mim , na minha mao por exemplo tenho logo q ir lavar a mao , fico pensando que se eu tocar em determinada pessoa vou ficar com a mesma personalidade dela e nao ser eu mesmo , para vestir uma roupa tenho que esta pensando em algo bom pq se nao eu tnho que tirar e vestir denovo , lavo a mao varias vezes ao dia colegas de trabalho ja perceberam isso ate mesmo para escrever esse texto foi dificil tive que apagar e reescrever varias partes pq estava pensando em pessoas que ja fizeram algum tipo de mal para mim e hoje em dia fingem que nada aconteceu , para fazer qualquer coisa mas qualquer coisa mesmo tenho que sta pensando em algo bom senao nao consigo fazer ou entao tenho que voltar atras e fazer denovo , ex: se eu fizer isso pensando em tal coisa ou em tal pessoa tudo o que acontecer dali para frente sendo bom ou ruim foi pq eu tinha pensado nao gosto de ficar lembrando de certas epocas da minha vida . e varias outras coisas , isso ta atrapalhando a minha vida tem hora que de tanto que eu estou pensando minha cabeça ate doi , nao aguento mais estou sofrendo muito com isso .

      Excluir
  51. Oi eu sofria muito com o toc . eu tinha que tocar o pé no chao muitas vezes , a mao na parede. se eu tocasse na pessoa tinha que tocar novamente. minha familia começou a perceber ai eu fiquei com medo de falar alguma coisa e graças a Deus fiquei melhor mais ainda diariamente tenho uma crises penso se eu abrir o face vai ter algo de ruim e tbm fica pasando pensamentos que nao quero pensar toda hora na minha cabeça e fico triste .

    ResponderExcluir
  52. Olá Miguelito,preciso MUITO da sua ajuda!!
    Eu tenho tipo frescuras: Eu tenho muiiito nojo de tomar banho sem chinelo,andar descalço,lavar vasilha,comer no mesmo talher que alguém já passou a boca,limpo o cabo dos talheres antes de comer,entre outras "frescuras"....
    Vc poderia me ajudar pra descobrir oq eu tenho POR FAVOR??!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabrielle, somente um médico é que pode diagnosticar o que vc realmente tem. Pelo que me fala parece ser TOC mas só um psiquiatra pode confirmar. Porque vc não vai a um médico?

      Excluir
  53. Bom dia! Estou começando minha pesquisa pessoal sobre o toc e acredito estar encontrando a resposta para o pesadelo que to vivendo. No começo achava que eram supertições, mas as manias começaram a aumentar e me escravizar, estou muito assustada.Minhas atitudes e escolhas estão condicionadas a certos rituais, exemplos, tenho uma maquiagem velha gurdada pois o dia que ela acabar vou morrer, não posso ter relcionamentos sérios pois o di que tiver vou perder minha filha, tenho uma caneta guardada pois o dia que eu perder a caneta perco minha bolsa da faculdade, as roupas que uso são determinadas ou descrtadas pela certez de que o uso vi me trazer perdas, a posição que fico no ponto de ônibus faz o ônibus demorar ou não, tem mais rituais. No começo era fácil lidar com isso, mas as manias estão aumentado e me tornando escrava. Cheguei a encarar de frente e me recusei a algum dos rituais, em um deles eu acreditava que se não cumprisse ocasionaria o fim do meu casamento e não fiz, logo meu casamento se acabou, foi desde então que a necessidade dos rituais foi aumentando e saiu do meu controle, logo depois tentei lutar contra outro ritual que se eu não fizesse perderia meu emprego e novamente quando nõ cumpri o ritual em pouco tempo tava desempregada. Bem no fundo sei que não passou de coincidência infeliz, mas perdi a força para lutar contra as manias, o medo me dominou e as manis me aprisionaram. To muito assustada,com medo de perder mais ainda o controle sobre a minha vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Procure um psiquiatra, o TOC realmente nos faz ter pensamentos catastrófico, principalmente quando coincidências acontecem. A conversa com uma psicologa tb pode te ajudar.

      Excluir
  54. miguelito vc disse tudo tenho toc e visitando sua pagina fiquei muito feliz em saber que não sou a unica...sabe em mim tudo começou quando fui arrumar o armário do meus avos e vi que la tinha um monte de caixa de remédio e fiquei com medo de esses remédio estar em caixa errada,cara desse dia pra cá tenho um medo absurdo chego na casas da pessoas fico olhando se tem remédio tenho medo de mexer sem querer e bagunçar tudo e fazer mau a alguém tudo coisa da minha cabeça..eu queria ter contanto com vc pra desabafar mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Zélia, vc pode me escrever no meu emil ou então me adicionar no face. Ou então me passe seu emil que eu te escrevo.
      Beijos

      Excluir
  55. Eu descobrir o TOC ontem...
    Eu sempre confiro portões trancados muitas vezes, antes de dormi tenho q conferir fogão se ele esta desligado ou vazando gás, sempre confiro se tirei minha chapinha da tomada um monte de vez, sempre penso que incomodo as pessoas, sempre peço desculpas, sempre penso que não faço meu namorado feliz fico varias vezes ao dia perguntando se ele é feliz comigo, sempre penso que vou sair na rua e algo ruin vai acontecer comigo ou com as pessoas, sempre penso que não faço ninguém feliz, não faço bem pra ninguém... quando vejo alguem com fratura exposta eu bato na minha perna 3 vezes pra realmente saber que não tenho nada, tento gravar placa de carro ou soma-los...sempre agrado a todos mas sempre acho que não faço o suficiente, sempre penso que meu namorado vai terminar comigo e sempre pergunto se estar feliz ate mesmo sem querer eu pergunto! Então descobrir o TOC mas nao tive coragem de contar pra ninguém, so minha irmã sabe! e estou desesperada

    ResponderExcluir
  56. Olá sou Simony, e tenho sindrome do panico mas tenho um pouco de toc tbem, porque as vezes apago e acendo a luz várias vezes, se eu tiver um pensamento ruim, eu volto e acendo e apago novamente... A sindrome do panico causa muitos transtornos como MEDO DE QUE ALGO POSSA ACONTECER.. Eu amo toda a minha familia.. Eles são tudo q tenho... Mas as vezes se penso algo ruim que eu possa fazer algo contra eles, eu fico mto mal... eu sei q NAO VAI ACONTECER.. Mais é sobre noticiarios de morte.. que alguem matou alguem da famlia... E eu tenho medo que isso possa acontecer.... Estou fazendo tratamento com um psiquiatra tenho 30 anos e moro com minha mãe... Morro de medo de que algo aconteça..... Eu sei q um dia isso vai passar..

    ResponderExcluir
  57. Eu tenho um amigo que tem toc ...eu ja havia pesquisado sobre essa doença por que achei que tinha as evidências combina tirando os pensamentos absurdos. ..acho que essa doença não faz ele menos de ninguém... e é isso que a sociedade deve pensar respeitando os outros. ..em geral

    ResponderExcluir
  58. Eu dinymello tbm tenho um amigo que tem toc...acho ele maravilhoso, uma pessoa com várias qualidades....eu não acho ele fresco e respeito muito ele...desejo o melhor., a sociedade em geral tem respeitar os outros.
    Eu tenho minhas manias procurei médicos. ..Não chega a ser uma doença mais tenho que tomar cuidado como qualquer outra pessoa. .quem não tem mania?!

    ResponderExcluir
  59. Eu acho que ninguém aqui tem uma mania igual á minha mas eu vou contar na mesma na esperança de me poderem ajudar no que devo ou não fazer porque chega a um certo ponto que já não consigo pensar mais. Sou muito perfecionista na hora de comprar coisas. por exemplo havia uns ténis de gostava muito e eram um bocado caros. Entao as coisas que eu dou mais valor ou que sei que são mais difíceis de arranjar devido a serem mais caras ou que vao durar muito para a minha vida o transtorno aumenta na hora da compra porque tem que estar tudo impecável pois vao ser (como que eternas e como vao estar comigo muito tempo se eu tiver manias vou estar muito tempo com elas a chatearem devido a pensar que as coisas teem sempre um defeito ou outro). Pois os ténis teem que estar exatamente iguais ou se tem um pouco de cola na parte de fora de um deles tenho de trocar . Acontece que há pouco tempo comprei um par , depois de quase 2 horas a pedir ao homem mais ténis.. para comparar uns com os outros, com os meus pais comigo a acharem que eu era louco lá levei os ténis para casa. quando cheguei os pensamentos apoderaram-se de mim porque tinha uma diferençazinha na parte de fora e que não era exatamente igual ao outro sapato. Fui lá á loja e falei com o msm homem outra vez e ele deume outro. Só isso causou-me muita ansiedade porque ter de ir la outra vez e exporme foi difícil factor pelo qual na segunda vez que voltei para trocar de novo fui á mesma loja mas noutro local. Voltei para casa mas desta vez o sapato que era do mesmo numero da primeira vez estava um pouco mais apertado ( coisas da minha cabeça digo eu) e voltei e troquei esse pé pensado que o outro estava impecável. Depois disso la vieram os pensamentos de que já que tinha trocado um ténis deveria trocar o dois pk apesar de ser o mesmo numero os ténis por tinham de ser da mesma caixa.Eu penso que por serem o ténis direito duma caixa e o ténis esquerdo da outra é como se fossem coisas diferentes como por exemplo um sapato adidas e um ténis nike.Não podia ser o ténis direito da caixa A com o ténis esquerdo da caixa B. Me ajudem. Eu sei que tenho TOC mas as vezes fico pensado sera que fiz mal em ficar com o ténis direito da caixa A e o ténis esquerdo da caixa B apesar de ser o mesmo numero do sapato? Digam-me se teriam feito o mesmo que eu ou se é tudo igual ou se estou a exagerar. So peço que me deem a vossa opiniao
    Obg

    ResponderExcluir
  60. Antes de mais, desejo que todos melhorem e ultrapassem tudo da melhor forma, realmente eu sei o quanto doloroso pode ser não conseguirmos controlar a nossa mente principalmente porque não nos identificamos com os nossos pensamentos absurdos. Descobri que tenho neurose obsessiva aos 19 anos, eu mesma quis marcar uma consulta num psiquiatra porque estava de rastos. Tenho agora 22, simplesmente odeio isto, é preciso uma força interior muito grande para conseguirmos seguir o nosso dia a dia normalmente, sem que ninguém perceba o quanto mal nos sentimos, honestamente acho isso errado, mas eu mesma também o faço. Lembro-me que sempre fui uma pessoa ansiosa, e que os primeiros sintomas apareceram por volta dos 15 anos, o que mais me revoltava é que eu não entendia porque tinha/tenho estes pensamentos, felizmente nao tenho necessidade de praticar nenhum ritual mas posso-vos dizer que é horrivel controlar a mente apenas com a própria mente, requer um enorme esforço e provoca um desgaste emocional grande. Acho que todos sentimos como se ninguém nos fosse compreender e nos fosse achar malucos, coisa que realmente nao somos, a meu ver eu acho que nós temos demasiado noção da realidade e dos riscos que corremos se fizermos algo de errado. Já tive pensamentos desde medo de me tornar esquizofrenica, medo de perder o controle, medo de fazer mal a pessoas, medo de mim mesma, medo dos meus medos e sabem o que é mais engraçado? é que eu não sou uma pessoa melindrosa, viva à contradição! Eu realmente compreendo a situação de todos aqui e lamento todo o sofrimento que vivem mas nao posso ser mais sincera do que dizer que realmente nao nos devíamos esconder, nem deixar de ter orgulho em nós mesmos, pelo contrário acho que somos uns guerreiros por conseguirmos suportar tanta pressão e ainda assim viver a nossa vida normalmente. Sejam positivos e pensem que nada é por acaso, vivam o vosso dia a dia devagar mas vivam bem e satisfeitos, aceitem-se como são e orgulhem-se em frente do espelho. Podem não acreditar mas a neurose obsessiva ou obsessão compulsiva é um problema de insegurança. As melhoras, Maria

    ResponderExcluir
  61. tenho 23 anos e penso ter toc...no meu caso um pouco diferente e até mesmo embaraçoso afetando me e ocupando me imenso tempo do meu dia quando isto acontece....na minha mente sempre que tenho relação sexual ou me masturbo ao atingir o orgasmo tenho sempre de pensar em pessoas que admiro e quero ser para me sentir bem...se penso em pessoas más, meus inimigos, ou que não gostam de mim na minha mente eu vou me tornar nesses pessoas ou vou receber chamadas delas ou ser perseguido por elas...eu sei o quanto absurdo e estupido isto pode parecer para alguns de vocês mas para mim tornou se um problemas gravíssimo...fico com uma ansiedade tremenda e para voltar a estar bem tenho de refazer tudo novamente até conseguir fazer tudo bem...isto pode levar 4 5 ou 6 vezes até e custa imenso...chego a ter dores enormes...já não sei que fazer nem como combater isto pois quero superar sozinho....alguém tem algumas dicas?

    ResponderExcluir
  62. Meu nome é Helen Morgan, do Reino Unido. Gostaria de compartilhar meus testemunhos com o público em geral sobre o que este médico espiritual chamada Dr Okojie acabou de fazer para mim, este homem acaba de trazer de volta o meu ex-marido perdido para mim com seu grande feitiço, eu era casada com esse homem chamado Morgan nós Estivemos juntos por um longo tempo e nós amamos a nós mesmos, mas quando eu era incapaz de dar a ele uma criança de 2 anos que ele me deixou e me disse que não pode continuar mais, então eu já estava procurando maneiras de obter-lo de volta até que eu vi um testemunho sobre este mesmo médico na internet sobre como ele curou muitos de doenças e ajudar as pessoas com outros problemas semelhantes, então você não vai acreditar quando entrei em contato com esse homem nos meus problemas, ele preparou este feitiço e em dois dias depois que ele disse me que ele estava completamente com o feitiço funcionar meu marido perdido voltou com mais amor em seus olhos, e depois de um mês, eu sinto falta do meu mês e ir para um teste eo resultado indicou sou am grávida feliz hoje sou uma mãe de um menino , ele disse que eu também vai engravidar de novo se eu gostaria de agradecer mais uma vez o grande médico para o que você tem feito por mim, se você está lá fora procurando por alguma dessas mágicas ou cura:

    (1) Magia para a proteção do perigo

    (2) Magia de magia

    (3) Mágico de mesmo amor do sexo

    (4) Magia para curar doenças

    (5) Mágico de invisibilidade

    (6) Mágico de riqueza e da fama

    (7) Magia para conseguir um bom emprego

    (8) Feitiço de amor forte e relacionamento

    (9) Mágico de trazer o seu ex de volta

    (10) Magia para engravidar

    Você pode entrar em contato com este grande médico em seu drokojiehealinghome@gmail.com e-mail e obter todos os seus problemas resolvidos .....

    ResponderExcluir
  63. Sou um pai que acabou de receber da psicóloga da minha filhinha de sete aninhos que ela está com TOC. O que eu faço para me ajudar a ajudá-la?

    Me perdoem se eu estiver parecendo rude. Eu sei muito pouco sobre o TOC.

    ResponderExcluir
  64. Olá! O meu toc é um pouco fora do comum. Tenho todas as variações. Mas a minha maior é que penso que se não conseguir realizar os rituaisvou ficar magra. Tocar em pessoas magras nem pensar. Estou tomando luvox e vou começar tcc, pois não vejo melhoria. Lavo roupas limpas da gaveta. É horrível e meu noivo não entende.

    ResponderExcluir
  65. Mi marido tiene a mí ya los niños de los 8 meses de abandonar el pasado ahora, y se niegan a volver porque estaba en suspenso por una mujer a la que acaba de conocer, por eso, mi auto y los niños que sufren ha sido y ha sido el talón de la lucha, pero yo decido el todos los medios para asegurarse Que mi familia se reúnen para utilizar el que, entonces me fui en línea allí vi tantos buena charla sobre este hechizo lanzador cuyo sitio web es Akwukespiritualtemple@gmail.com así que tuve que póngase en contacto con él y en tan sólo 3 días la que ha prometido, mi marido cam casa y su comportamiento fue de nuevo al hombre que conseguí casado. No puedo agradecerles lo suficiente el lanzador de hechizos lo que lo que hizo por mí, estoy tan agradecido.

    ResponderExcluir
  66. Gostei muito da sua definição,eu tenho TOC e em consequência disso desencadeou Síndrome do Pânico e depressão.
    Nunca tive o apoio dos meus familiares que julgam como frescura.
    É muito difícil não ser entendida e além disso criticada.
    Ler suas palavras me deu um certo conforto, pois percebi que não estou sozinha nesse universo de descriminação.
    Sinto muita culpa pelas coisas que faço devido a alta ansiedade, mas tarde tendo consertar e acabo estragando ainda mais, o que gera mais culpa e consequentemente mais ansiedade.
    Nos últimos tempos estou mais perdida do que nunca. Fiquei um tempo sem sentir obsessões e compulsões, mas há 3 meses mais ou menos elas voltaram com a mesma intensidade de antes e isso tem desorganizado meus pensamentos de uma maneira que causa até desespero as vezes.
    Gostaria de manter contato com você e com todas essas outras pessoas que fazem parte desses 3% .
    Seria possível? Nem que seja no anonimato.
    Grata pelas suas palavras, elas me ajudaram um pouco

    ResponderExcluir
  67. Gostei muito da sua definição,eu tenho TOC e em consequência disso desencadeou Síndrome do Pânico e depressão.
    Nunca tive o apoio dos meus familiares que julgam como frescura.
    É muito difícil não ser entendida e além disso criticada.
    Ler suas palavras me deu um certo conforto, pois percebi que não estou sozinha nesse universo de descriminação.
    Sinto muita culpa pelas coisas que faço devido a alta ansiedade, mas tarde tendo consertar e acabo estragando ainda mais, o que gera mais culpa e consequentemente mais ansiedade.
    Nos últimos tempos estou mais perdida do que nunca. Fiquei um tempo sem sentir obsessões e compulsões, mas há 3 meses mais ou menos elas voltaram com a mesma intensidade de antes e isso tem desorganizado meus pensamentos de uma maneira que causa até desespero as vezes.
    Gostaria de manter contato com você e com todas essas outras pessoas que fazem parte desses 3% .
    Seria possível? Nem que seja no anonimato.
    Grata pelas suas palavras, elas me ajudaram um pouco

    ResponderExcluir