28 junho 2010

As faces do TOC

O TOC tem várias faces, se disfarça de várias maneiras mas sempre tem a mesma base: Obsessões e Compulsões.

Obsessões são os pensamentos que invadem a nossa mente de forma insistente e repetitiva. Esse pensamentos podem ser formado por frases, imagens, números, músicas ou palavras.
Já as Compulsões, rituais ou tiques nervosos como se costuma falar são caracterizados pelos comportamentos ou atos mentais feitos de forma voluntária e repetitiva, como resposta a esses pensamentos invasivos.

As obsessões mais comuns são:

  • Dúvidas
  • Preocupação com simetria, ordem, ou alinhamento
  • Pensamentos, imagens ou impulsos de ferir, insultar ou agredir outras pessoas
  • Preocupações com doenças, preocupação excessiva com sujeira, germes ou contaminação
  • Pensamentos, cenas ou impulsos indesejáveis e impróprios, relacionados a sexo (abusar sexualmente de crianças, falar obscenidades, etc.)
  • Preocupação em armazenar, guardar coisas inúteis ou economizar de forma excessiva
  • Religião (pecado, culpa, sacrilégios ou blasfêmias)
  • Pensamentos supersticiosos: preocupação com números especiais, cores de roupa, datas e horários
  • Palavras, nomes, cenas ou músicas intrusivas e indesejáveis

As compulsões mais comuns são:

  •  Repetições ou confirmações
  •  De lavar ou limpar
  •  Verificações ou controle
  •  Ordem, simetria, ou alinhamento
  •  Contagens
  •  Tocar, olhar, bater de leve, confessar, estalar os dedos.
  •  Guardar ou colecionar coisas inúteis (colecionismo), economizar
  •  Compulsões mentais: rezar, repetir palavras, números, frases, musicas

As pessoas portadores de TOC podem apresentar somente uma ou várias obsessões ao mesmo tempo e cada obsessão pode levá-lo a ter uma ou várias compulsões para cada obsessão que ele tem. Não precisa ser bom em mátemática para calcular que se ele tiver algumas compulsões para cada obsessão esse indivíduo terá muitas "manias". E o único objetivo dessas manias e rituais é impedir que algo de ruim aconteça.

O TOC desafia a lógica, mesmo sabendo que nada vai acontecer se não completarmos o ritual, não pagamos para ver. Preferimos fazer o ritual, repetir várias vezes a mesma coisa só para ficar tranquilo de que nada de ruim vai acontecer. Ah que bom se nossa mente tivesse esse poder né? De fazer as coisas acontecerem da maneira que pensamos.

Mas nossa mente não tem esse poder, as coisas acontecem de acordo com o plano de Deus não de acordo com nosso pensamento. Realizamos essas compulsões ou rituais com um único objetivo: reduzir e a fastar as aflições e desconforto que acompanham as obsessões.
As compulsões fazem com que a ansiedade causada pelas obsessões sejam aliviadas e por esse motivo a pessoa é tentada a executar as compulsões sempre que uma obsessão ou pensamento invasivo aparece. Como o indivíduo consegue amenizar a obsessão com os rituais ele acaba por repetir isso sempre ao invés de enfrentar seus medos e ansiedade e acaba se "viciando" nos rituais e não conegue largá-los tão facilmente.
Sabendo disso fica fácil a cura! É só não realizar mais nenhum ritual pois nada vai acontecer e acabamos com o vício :)
Infelizmente não é tão simples assim, se fosse assim não existiria depressão. É só o indivíduo saber que a depressão é coisa da sua cabeça e pronto, curado! Também não teriamos síndrome do pânico. Medo de morrer? De sair de casa? Medo de aglomerado de pessoas? Que isso.....coisas da sua cabeça. Curado!
A mente humana é complexa mas nós temos o poder sobre ela. Podemos sim nos curar do TOC tomando consciencia disso. Muitas vezes não conseguimos isso sozinho então precisamos de um psicólogo, que conhece a mente humana melhor do que nós para nos guiar até a cura. Outras vezes precisamos repor com medicamentos o que falta no nosso organismo para nos facilitar a cura pois é comprovado que a falta de serotonina causa o TOC e que com medicamentos que atuam diretamente nela há uma melhora do TOC.

Não se espante se vc se curou sozinho do TOC mas também não desanime se vc toma medicamento, faz terapia, vai ao psiquiatra, frequenta o psicólogo e ainda não se considera curado.

Qualquer melhora, por menor que seja, já é um caminho para a cura. Deus tem um propósito para cada um de nós, não estamos aqui nesse mundo a toa. O apóstolo Paulo diz em Coríntios
E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar.
Acerca do qual três vezes orei ao Senhor para que se desviasse de mim.
E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.(2 Coríntios 12:7-9)

O TOC me é um espinho na carne. Orei a Deus várias vezes para que retirasse de mim esse espinho mas assim como a Paulo, entendo que Deus está a me dizer: A minha graça te basta.
Realmente graças a Ele tenho tudo o que necessito, nunca me faltou nada devido ao TOC. Assim como também nunca ganhei nada por ter TOC senão o que tenho me foi dado pela graça de Deus.

Para quem gosta de ler e saber mais sobre o TOC, além dos dois livros e vários filmes indicados aqui, também há esse excelente link da UFRGS que fala sobre o TOC: Site UFRGS-TOC

24 comentários:

  1. Boa noite Júnior...tomei a liberdade de copiar seu texto e enviar por email à minha mãe e meu marido...nele diz tudo,mas tudo mesmo o que eles precisam saber de iediato...essa é uma forma de eu tentar fazer com que entendam o que passo...pode parecer um pouco melodramático a meu jeito de falar,más vc sabe que não é...não gosto de banalizar e nem de ficar falando nisso com frequencia com as pessoas...mas ultimamente por não ter com quem falar disso pessoalmente,eu estou me sentindo só e desprotegida,sem forças para o tratamento...mas tenho fé que Deus é maior,e eles irão me compreender...obrigad por tanta informação...estou lendo sim seu blog dese o início,e anotando td o que estou sentindo qdo leio...pra depois poder lhe enviar meu comentário...acho uma atitude muito corajosa a sua...e depois que tomei esse tipo de atitude,estou me abrindo mais e assumindo que tenho defeitos,mas que sou normal como tds as pessoas...agradeço muito à vc e à tds as pessoas que estão me acompanhando nessa tragetória...espero de coração que um dia possamos estar curados...só Deus pra nos ajudar né amigo...mas ele é conosco,não nos abandona nunca,mesmo qdo falhamos...é nesse amor que temos que nos apegar para conseguirmos vencer...bjs,uma boa noite e uma ótima terça!!!
    Débora

    ResponderExcluir
  2. é verdade !! Eu já ouvi isso de Deus também.
    No inicio quando comecei a sofrer sozinha achando tudo aquilo que eu pensava horrivel, eu me sentia a pior pessoa que existe até descobrir que tinha TOC, até então achava que eu não merecia que Deus me amasse.
    O mais interessante é que Ele me ama. E tudo isso é permissão Dele. Ele sarará essa ferida!
    Precisamos crer !!

    ResponderExcluir
  3. oi meu nome e Fatima tenho 27 anos, sou casada e portadora de toc.o toc è horrivel, so quem e portador sabe. Jà chorei muito nessa vida, nossa quantas làgrimas se contasse encheria o oceano. Mas o q me sustenta è a fè. O pior è q nao controlo meu choro. Comecei um tratamento com psiquiatra e ele è òtimo, q Deus Nos abencoe. E bom ter alguem q sabe o q e ter toc, pq realmente as pessoas naum entendem. Mas eu creio na cura, quem sabe em um futuro proximo a neurocirurgia seja segura.Quero manter contatos.

    ResponderExcluir
  4. Olá Fátima,
    Tb tenho Fé em Deus e esperança na cura. Acho que não precisamos não da neurocirurgia, com os remédios e terapia somos capazes de se livrar desse mal. Fique a vontade para me escrever, miguelito_obsessivo-compulsivo@yahoo.com.br, ou me adicionar no facebook caso vc tenha.
    Beijos
    Miguelio

    ResponderExcluir
  5. Eurides andrade31 março, 2011

    Toc, eu acho que eu tenho esse tipo de transtorno o toc. As vezes eu repito varias vezes algum ritual como se fala, faço alguma coisa como escrever, depois tenho que apagar é uma coisa incontrolavel. se vejo alguem doente acho que vou ter, e fico pensando nisso direto, as vezes acho que vou endoidar de tanto pensar em besteira. em coisas futeis! preciso de ajuda. o que devo procurar? psicologo ou psiquiatra???
    Espero que vcs me ajudem.
    bjus***

    ResponderExcluir
  6. É uma coisa muito chata, que nos deixa quase loucos... realmente nos sentimos a pessoa mais miserável e indigna do mundo. isto é importante para sabermos que nenhum ser humano tem em si mesmo algo de bom que agrade o criador, todos se desviaram para o mal, agora nos resta a única ESPERANÇA, crer no sacrificio que JESUS fez por nós, e esta é a esperança que um dia há de nos libertar de todo tipo de mal.

    ResponderExcluir
  7. Amém, tb tenho fé em Deus que um dia ficarei livre dessa doença

    ResponderExcluir
  8. Depois que descobri que eu tenho toc eu fiquei no fundo do poço, tenho pensamentos obssesivos todo tempo, tenho medo de matar alguém, já fui em 4 psiquiatras e nada me cura, eu penso em suicidio, mas ainda tenho fé em Deus.

    ResponderExcluir
  9. É muito bom, muito bom mesmo que você não se esqueça de Deus e sempre confie nele. Excelente texto, fiquei aflita e maravilhada ao mesmo tempo. Descobri que tenho TOC esse ano, quando ainda tinha 15 anos, hoje tenho 16. Esse problema me incomoda muito já sofri e chorei bastante principalmente porque as minhas obsessões são terríveis, e sempre são mais ligadas a assunto de religião, agora o que mais me aflinge é uma dúvida que tenho. Já cheguei a pensar que Deus me odeia por esses pensamentos e que eu sou a pessoa mais detestável da face da terra, mas recentemente li um texto que me ajudou muito, nele dizia que tais transtornos como o TOC são doenças ou transtornos mesmo e que não têm nada a ver com a espiritualidade e índole da pessoa. No fundo eu já sabia disso mas me trouxe muito conforto, parei de pensar que era a pessoa mais terrível do mundo. Ninguém sabe que tenho TOC, nunca falei pra ninguém mas pretendo dizer e fazer logo tratamento e estou mais decidida disso do que nunca.
    Adorei seu blog e parabéns!
    Tudo de bom.

    ResponderExcluir
  10. Ola anonima, espero que tenha desistido dos pensamentos de suicidio. Se suicidio fosse solução para os problemas o mundo deixaria de existir pois todos iriam se matar. LEmbre-se de que esses pensamentos não sao seus desejos verdadeiros, são criação do TOC

    ResponderExcluir
  11. Olá Anonima, que bom que gostou do texto. LEmbre-se de que ninguém conheçe vc melhor do que sua prórpia mente e esses pensamentos são criação de sua mente por causa do TOC. Só o TOC sabe o que mais tememos, o que naõ desejamos jamais pois é justamente isso que ele nos faz pensar. Nossos pensamentos são reflexos do que não desejamos, de nossos piores medos, por isso sofremos com ele. Se fossem pensamentos que desejamos o TOC não teria função. VC é ao contrario de tudo o que vc pensa, então se seus pensamentos sao maus é pq vc é boa :)

    ResponderExcluir
  12. Tem uma pessoa que sempre diz que a mente mente. É uma grande verdade isso. Não podemos confiar em nossa mente 100%. Temos que confiar em nosso coração. A nossa força esta em nossos corações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, nossa mente é astuta e sempre nos engana

      Excluir
  13. Olá pessoal. Paz e saúde a todos. Há dez anos fui diagnosticado como portador do Transtorno do Pânico, foi horrível mas com muito esforço e psicoterapia consegui vencê-lo quase por completo, ao ponto de me considerar curado. Há um ano, comecei a perceber que meus medos e pensamentos estavam aumentando mas de uma forma diferente do que sentia antes, eram medos absurdos, pensamentos horríveis sobre sexo, duvidas, preocupações excessivas no trabalho, em casa, e vários otros pensamentos que estavam me deixando transtornado e pensava estar enlouquecendo. Fui diagnosticado como portador do TOC, não tomo atualmente medicamentos mas sofro bastante. Tenho dificuldades em usá-los pois sinto muitas reações adversas. Gostei muito destas publicações, pois me esclareceram bastante sobre o meu problema e de como enfrentá-lo diariamente. É uma batalha árdua, que pretendo enfrentar com mais firmeza, se é que se dá pra ter quando se trata de lutar consigo mesmo, contra seus pensamentos.
    gostaria apenas de saber o seguinte, é comum o portador do TOC sentir-se como se estivesse se vigiando constantemente, parece que sua pessoa está dividido em duas, uma com um pensamento e outra contrariando. Se alguém puder me responder, agradeço.
    Abraços a todos e que Deus os Ilumine nesta luta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim anonimo, como o TOC é criado por nossa mente e temos a consciencia de que esses pensamentos não fazem sentido ficamos nos questionando enquanto fazemos os rituais ou temos os pensamentos.
      Eu tb tenho reações adversas com os medicamentos mas prefiro tomar do que sofrer.

      Excluir
  14. Olá, tenho toc a mais de 20 anos. É realmente uma coisa muito pertubadora. Atinge quem tem coração, quem se preocupa, quem tem ansiedade, quem respeita, quem é do bem. É o pensamente que invade a sua mente, uma mente que pensa dentro da outra. Tudo isso surge/inicia com o Medo. Com o medo instalado voce sente necessidade de estabelecer controle sobre as coisas e dai começa tudo. Não se preocupem, começem o tratamento tanto de remedios como de terapia, e coloquem tudo na mão de DEUS. Se o pensamento invade a sua mente, não se preocupe DEUS sabe o que realmente VOCÊ quer. DEUS sabe a verdade, não se preocupe. Existe uma passagem bíblica que diz que Jesus Cristo conheçe cada um por dentro. Não se preocupe, mas começe o tratamento, porque existe também na bíblia outra passagem que diz que DEUS deu talentos diversos para cada um de nós, inclusive para a questão da medicina. DEUS deu talentos aos médicos para criarem substancias, tratamentos, tarapias para nos ajudar. Em outras palavras, tudo acaba voltando para DEUS. Tenha fé(confiança) e paciência que tudo dará certo. Eu falo isso pra você, porque sempre tento pensar nessas coisas boas e passar para outras pessoas. Temos que nos ajudar nesse sentido. Atualmente controlo a doença, não é fácil, mas cada um nesse mundo tem a sua cruz. Alguns problemas de um tipo, outros de outro. Alguns com problemas físicos outros com problemas psicológicos (no caso nós). Mas devemos persistir e principalmente confiar em DEUS. Quando pensamento ruim vir em sua mente, peça ajuda a DEUS para fazer com que ignore, pois não é a verdade. ELE sim é o caminho a verdade e a vida. Fiquem com DEUS irmãos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso ai irmã, sabias palavras iliminadas por Deus

      Excluir
  15. Olá! Estou me sentindo melhor depois que conheci o blog e pude ler os depoimentos e ver os progressos de muitos em relação a essa doença. Tenho 21 anos e sofro de TOC desde criança mais descobri a pouco tempo que eu sofria da doença, por falta de informação eu nunca entendi do que se tratava as minhas manias, os pensamentos e os rituais mentais que sempre fiz para despista-los da minha mente... A terapia me ajudou bastante, mais estou com muita fé que Deus vai me libertar e não precisarei mais de terapia.

    ResponderExcluir
  16. Caríssimos,

    Graça e paz. É a primeira vez que comento em blog, nunca tinha pensado em participar, não conheço esse tipo de ferramenta. Bem, desde do mês de fevereiro percebi que tenho sofrido com TOC. São pensamentos horríveis, principalmente contra DEUS e contra pessoas que amo.

    A intensidade foi tal que cheguei a pensar que iria morrer ou ficar louco. Comecei a pesquisar e hoje cheguei aqui. Inicialmente pensei tratar-se apenas de depressão e opressão maligna, depois percebi que havia outro "fenômeno" envolvido, o TOC.

    Notei aqui, comentários que colocam DEUS como solução para o problema, isso é bom. Do alto da minha ignorância considero que o problema não é apenas psiquiátrico: o inimigo de nossas vidas percebe uma doença, e, logo quer tirar proveito, portanto trata-se também de opressão. Mas DEUS é maior, muito maior.

    Na realidade, louvo a DEUS por ter esse problema, porque contraditoriamente me levou a aceitá-LO como único salvador da minha vida. DEUS sabe o que faz. Para mim está claro o que devo fazer: segui-LO. Fui criado na igreja mas nunca tinha de fato aceitado a JESUS.

    A leitura da Bíblia e orações tem me aliviado bastante, mas, tenho sentimentos e crises horríveis. Naturalmente, na fraqueza a fé oscila, o que é ruim, mas temos escrito, na Bíblia, o que devemos fazer. De fato devemos procurar ajuda; os médicos, psicólogos, pastores, irmãos, etc., estão aí para isso. Repreenda o sentimento de morte em nome de JESUS!!!

    Devemos orar uns pelos outros, hoje orarei por vocês. Vocês de fato são corajosos e sem dúvida estão ajudando muita gente... expor o problema não é fácil.

    Miguelito, prezadíssimo, você está sendo usado por DEUS, percebi de cara... você é uma bênção do SENHOR... DEUS o abençoe.

    Sergio Paulo

    ResponderExcluir
  17. Pessoal!
    vcs são de São Paulo? Gostaria muito de sugerir um encontro, quem topa? SWeria tão bom trocarmos experiencias e conversarmos entre pessoas que se entendem e sofrem com a mesma situação....

    ResponderExcluir
  18. Ola! boa noite.Ma chamo Fabrine e a um bom tempo venho sofrendo com essse transtorno,não sei mais o que fazer pq tenho vergonha de procurar um psiquiatra, devido a minha familia ficar me zuado com meus tiques,ja tentei falar q não faço pq quero, mais minha familia não entende.Tenho pensamentos horriveis e quado fico assim começo a lavar as minhas mãos sem parar por um determinado numero de vezes,quase sempre 5 vezes seguidas,mais repito varias vezes sem parar,tb apago e ascendo a luz do meu quarto varias vezes.não sei mais o que fazer.minha mae briga comigo direto fica me perguntando se estou ficando louca pq faço as coisas e repito alem de deixar o pano de prato sempre molhado e em uma mesma posição.isso é horrivel não sei mais o que fazer, pq isso me consome quase o dia todo.Por favor me ajude.me diz o que fazer.estou precisando muito de ajuda,pois não aguento mais.Desde ja agradeço

    ResponderExcluir
  19. Olá pessoal, não sou portador de nenhum distúrbio compulsório, porem me sensibilizo com o que não posso intender e até mesmo por ter certo preconceito. Fiquei a imaginar o por que desse preconceito, a curiosidade me veio de repente a tentar entender um pouco desse universo das pessoas portadoras do TOC. Estou a 13 dias convivendo em minha casa com a avó de minha esposa portadora de TOC, e até então estava em meu pensamento a julgá-la preconceituosamente, mais ao mesmo tempo estava em quieto e chateado comigo mesmo por aqueles pensamentos, compreender que ela estava a sofrer em seu universo paralelo ao nosso , "pessoas não portadoras do TOC", pois nesse exato momento que escrevo ela está a tomar banho compulsoriamente as 03:20 da madrugada, eu chateado com suas atitudes, preferir me sensibilizar e não mais jugar por algo que não entendia até então, e ainda estou sem entender, porem com a mente muito mais compreensiva as suas atitudes . Espero que todos tenham forças para lutar sempre em busca da cura, e conviver melhor com seus sofrimentos, que Deus os abençoe nessa jornada, só assim pode ter uma leve noção, não é fácil, e merece acima de tudo antes de julgarmos, procurar compreender um pouquinho!

    ResponderExcluir
  20. na verdade o mundo todo esta doente, a mente ja nao e a mesma que quando criada. eu fico muito triste com isso, saber que essas doenças atrapalham na vida de muitas pessoas. se alguem quiser add ai está facebook: doegue andre

    ResponderExcluir